10 coisas que você tem que pensar antes de comprar uma picape

Quer comprar uma picape, mas não sabe qual modelo escolher? Não se preocupe, por se tratar de um veículo utilitário, muitas pessoas ficam com dúvida antes de tomar a decisão final.

Para ajudar-lhe na escolha, neste artigo, apresentaremos 10 fatores que você deve considerar antes de comprar uma picape. Continue lendo e saiba como optar pelo melhor. Boa leitura!

1. Força do motor

A força do motor é um fator essencial quando se trata de picapes. Afinal, isso faz muita diferença na rotina de trabalho: quanto menor a potência, maior a chance de o veículo deixar você “na mão”.

Nesse caso, não vale a pena arriscar. Uma ótima opção é contar com o motor mais potente da categoria, o V6 3.0 TDI com 225 cv e 56,1 kgfm de torque, da Amarok. Uma potência capaz de resolver qualquer tipo de problema, independentemente do seu segmento de atuação.

2. Tipo de capota

Ao comprar uma picape você precisa considerar a carga que será transportada no veículo. Isso é importante, pois ajudará na escolha do modelo da capota que cobrirá a caçamba. Em geral, existem dois tipos:

  1. Capota marítima.
  2. Capota de fibra.

Capota de fibra

A capota marítima é recomendada quando o objetivo não é transportar grandes mercadorias, pois ela reduz a capacidade da caçamba em razão da instalação lateral.

Capota de fibra

Se o intuito for proteger a carga da chuva e transportar grandes volumes, a capota de fibra é o equipamento indicado.

3. Tamanho da caçamba

Ao comprar uma picape, a análise do tamanho da caçamba não deve se limitar ao seu objetivo atual. Em outras palavras, você precisa considerar a situação dentro de uma projeção, avaliando possibilidades futuras.

Por exemplo, atualmente a sua necessidade é de uma caçamba de 500 kg, mas em um médio espaço de tempo esse tamanho pode não ser mais suficiente. Então, o recomendável é investir logo em uma caçamba de 1000 kg.

4. Dirigibilidade

Uma característica muito forte desse modelo de veículo é o centro de gravidade alto – algo não tão comum nos automóveis convencionais. Por isso, ao comprar uma picape, não tenha pressa, desenvolva uma boa dirigibilidade antes de pegar a alta estrada.

Para facilitar a sua vida, opte por modelos com os freios a disco nas quatro rodas, que oferecem maior segurança em situações mais extremas – a Saveiro é a referência da categoria nesse ponto.

5. Espaço na cabine

Hoje, o proprietário de uma picape não deve se preocupar apenas com a força do veículo, mas também com o conforto oferecido. Um dos requisitos que valem a pena analisar é o espaço interno da cabine.

O modelo da Volkswagem, por exemplo, possui cabine dupla com capacidade para 5 passageiros. Isso permite que você utilize o carro tanto para o trabalho pesado da semana, quanto para o lazer da família nos dias de folga.

6. Transmissão de marcha

Uma boa transmissão faz toda diferença em veículos de carga. Com um carro inteligente, o motorista se sente mais tranquilo e confortável durante uma viagem.

As picapes de ponta, como a Amarok, hoje já contam com transmissão de 8 velocidades, mais 3 opções de condução e tração 4×4. E, acredite, com a caçamba cheia e em estradas defeituosas, esses detalhes fazem muita diferença.

7. Manutenção

No Brasil, infelizmente, muitas pistas e estradas encontram-se constantemente esburacadas ou em má conservação. Por isso, ao comprar uma picape, é imperativo analisar o valor médio da manutenção.

É interessante avaliar o preço desde pequenos itens, como filtros, óleos, pastilhas e discos de freio, até peças importantes do automóvel.

8. Acessórios

Com o intenso trânsito e as ruas e avenidas apertadas das grandes cidades, uma picape precisa oferecer soluções tecnológicas e inteligentes para o motorista.

Por exemplo, a Saveiro conta com o Tilt-down, tecnologia que faz com que o retrovisor se ajuste para uma manobra de ré. Além disso, o motorista tem a sua disposição o Park pilot, sensores de estacionamento que mostram o controlador de distância no display do carro.

9. Opinião de proprietários e especialistas

Nada melhor do que entender mais sobre um carro do que pela ótica de quem o conhece na prática. Por isso, antes de comprar uma picape, faça uma pesquisa com proprietários do modelo desejado e busque informações também em sites e revistas especialistas do setor.

10. Revenda

Logicamente, você não adquire um veículo já pensando em se desfazer. Porém, um automóvel é de fato um investimento, e isso deve ser levado em consideração.

Nesse sentido, priorize os modelos com melhor preço de revenda e com um bom respaldo no mercado. Uma ótima dica é optar por marcas premiadas por profissionais do ramo.

Enfim, essas foram as 10 dicas para ajudar na hora de comprar uma picape. É importante ressaltar o quanto essa avaliação inicial é essencial para evitar dores de cabeça futuras. Por isso, analise as informações apresentadas e adquira o melhor modelo de picape para o seu negócio.

Passe em uma concessionária Volkswagen e conheça as melhores picapes da categoria.